Dicas para fazer um idoso mais feliz!

Padrão
Avó com a neta P&B
Trazer felicidade para a vida de um idoso é bem mais fácil do que parece. Quanto mais vivemos, mais aprendemos a valorizar as pequenas coisas e os gestos de carinho. As dicas abaixo são apenas sugestões, a sua imaginação é que manda na hora de demonstrar carinho!
1- Converse!
Ache um tempo para conversar com o idoso, pois ele sempre gosta de contar suas experiências e também quer passar para os filhos e netos as tradições da família.

2- Deixe o idoso falar:
Mesmo que ele(a) conte a mesma história várias vezes, deixe-o(a) falar, escute com atenção e comente.

3- Inclua-o(a):
Na medida do possível, se o idoso tiver disposição, saúde e vontade, inclua-o em atividades familiares como: passeios de carro, viagens, churrascos, festas de aniversário, festas natalinas, igreja, etc. Muitos idosos excluem-se da família por receio de atrapalhar. Um simples convite pode fazer milagres.

4- Reclamações:
Se o idoso é daquelas pessoas que gosta de reclamar de tudo, deixe-o fazê-lo! Afinal o idoso, assim como as crianças, tem o direito à tolerância.

5- Leitura:
É claro que com o passar do tempo a visão do idoso não é mais a mesma, vai diminuindo e muitos não podem ler. Mas vários idosos gostam da leitura, principalmente se forem livros religiosos. Leia para ele, principalmente aos domingos quando se tem mais tempo.

6- Não seja egoísta!
Se você tem mais irmãos e eles moram perto, divida com eles o privilégio de também poderem demonstrar amor aos pais e avós. Deixe que o idoso visite seus irmãos e se quiser passe alguns dias com eles.

7- Rotina:
Toda pessoa, na velhice, adquire hábitos mais rígidos. Acorda cedo, dorme cedo, gosta de jogar paciência, e vê os mesmos programas de televisão. Não mude a rotina dele. É direito dele decidir como quer viver.

8- Lazer:
Incentive-o a visitar seus amigos, a fazer um curso, artesanato, ir à praia, fazer caminhada, etc. O contato com outras pessoas o ajudará a passar o tempo mais rápido e com alegria, além de sentir-se útil.

9- Limites físicos:
Deixe-o ajudar em alguma tarefa quando ele quiser, se não for pesado. Lembre-se: com a idade avançada, eles não aguentam muito peso ou tarefas que exigem raciocínio rápido.

10- Amor e carinho! Diga pelo menos uma vez por dia que você o ama, isso é fundamental para que o idoso se sinta querido. Abrace-o e sorria para ele, pois assim ele se sentirá seguro e saberá que você o ama. Presenteie-o com uma flor, um bombom, um desenho. Leve-o para ver os netos, qualquer coisa que expresse seu carinho.
Não se esqueça: você é o jovem hoje, se Deus quiser será o idoso de amanhã.

About these ads

Sobre Ana Lucia Coradazzi

Além de ser a neta mais velha da Dona Helena, sou médica oncologista. Embora a profissão seja às vezes muito dura, ela nos coloca numa posição muito privilegiada: somos observadores da vida das pessoas, de suas relações familiares. Participamos de suas alegrias e de suas dores, e ainda podemos auxiliá-las em situações extremamente delicadas. Se formos capazes de estabelecer vínculos de empatia, adquirimos plena consciência de como somos abençoados, e aprendemos a valorizar os momentos e pessoas especiais em nossas vidas. Como foi a minha avó.

»

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s